Novos espaços colaborativos: hot desking


Hot desking

Nos últimos anos ficou claro como as formas de trabalho se transformam com o tempo. Antes, a atuação remota, por exemplo, era simplesmente impensável para a maioria dos negócios. Assim como o sistema de coworking. Hoje, diversas modalidades permitem uma relação diferenciada com a empresa e o seu espaço físico. O hot desking é a que queremos destacar neste post.

A verdade é que a pandemia de COVID-19 acelerou muitos processos. Ferramentas e recursos tecnológicos tiveram de ser adotados com rapidez para garantir o isolamento social, sem prejuízos profissionais. Por isso, é possível dizer que a tecnologia, mais uma vez, ampliou os horizontes da sociedade. Viabilizou novas soluções e permitiu o desenvolvimento de novos hábitos. 

A mobilidade se tornou um benefício crucial. É graças a ela que muitas mudanças aconteceram tanto no jeito de trabalhar, quanto no próprio modo de fazer negócios. Mas engana-se quem pensa na mobilidade apenas no contexto das tarefas fora do escritório. Ela também está presente dentro dele. E isto tem tudo a ver com a pauta em foco a seguir.

O que é hot desking?

Assim como o teletrabalho, o coworking e o layout open space, o hot desking despontou na esteira das transformações tecnológicas, acompanhadas pelas mudanças no estilo de vida. Tais evoluções evidenciaram um senso de liberdade latente, que já não podia mais ser ignorado ou abafado. 

Com o hot desking essa necessidade – relacionada à movimentação e à autonomia -, pôde ser atendida dentro do escritório. Sua proposta consiste em ter disponível espaços de trabalho sob demanda. Ou seja, áreas que podem ser utilizadas de maneira temporária e pontual. Portanto, não há lugares fixos. Os funcionários ficam livres para estar, a cada dia, em um lugar diferente.

Outra característica importante é a colaboração, pois o hot desking conta com a forte presença de mesas compartilhadas, que estimulam a interação e potencializam a união entre a equipe. Então, é certo afirmar que este é um ambiente mais flexível, dinâmico e cooperativo.

Entenda melhor a seguir!

Benefícios do hot desking

Abaixo relacionamos de forma mais objetiva os benefícios proporcionados pelo modelo de hot desking.

  • Colaboração: com a oportunidade de estar em diferentes locais, sobretudo compartilhados, os funcionários acabam ampliando suas interações, insights e projetos. 
  • Otimização de espaço: como já mencionado, a maioria dos espaços utilizados são coletivos. Assim, se torna possível reduzir a quantidade de ambientes e maximizar a eficiência da área disponível. 
  • Compatibilidade com o trabalho remoto: colaboradores que estão atuando de modo híbrido, têm mais facilidade para estar presente no escritório de acordo com suas necessidades do dia.
  • Economia: a adoção de espaços colaborativos e de uso sob demanda permitem a redução de desperdícios, ao passo que favorecem a otimização e economia de recursos. 

O hot desking é um modelo interessante para o seu negócio? Sua equipe e cultura organizacional têm a ver com esse conceito? 

Vamos entender juntos! Entre em contato com a gente pelo WhatsApp (11) 98327-6060, e saiba como podemos desenvolver o seu projeto de Arquitetura Corporativa. Somos especialistas em soluções capazes de promover resultados efetivos!